sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

Eu escolho Deus!


Senhor, eu nasci pra te chamar de Deus
Eu nasci pra te chamar de pai e andar do seu lado

Senhor desde o ventre da minha mãe,
Eu sou povo exclusivo seu, eu sou abençoado se vivo obediente.
Mais todo dia o pecado vêm, me chama
Todo dia as propostas vêm, me chama
Todo dia vêm as tentações, me chama
Todo dia o pecado vêm

Mas eu escolho Deus, eu escolho ser amigo de Deus
Eu escolho Cristo todo dia,
Já morri pra minha vida agora vivo a vida de Deus

Senhor, eu nasci pra te chamar de amor
Eu nasci pra te chamar de pai e andar do seu lado

Senhor desde o ventre da minha mãe,
Eu sou povo escolhido Teu, eu sou abençoado se vivo obediente
Mais todo dia o pecado vêm, me chama
Todo dia vêm as tentações, me chama
Todo dia as propostas, me chama
Todo dia o pecado vêm

Mas eu escolho Deus, eu escolho ser amigo de Deus
Eu escolho Cristo todo dia,
Já morri pra minha vida agora vivo a vida de Deus

"Thalles Roberto"

sábado, 17 de setembro de 2011

Em primeiro lugar...

"Pessoas antes de coisas; pessoas antes deprojetos; família antes de amigos;marido antes de filhos; marido antes de pais;dízimo antes de desejos; a bíblia antes de opiniões; Jesus antes de tudo o mais."
(Jo Ann Leavell)

sábado, 10 de setembro de 2011

Aos 92 anos Billy Graham lança livro marcante sobre envelhecimento.


O Evangelista mais famoso do mundo acaba de escrever um livro sobre o bem envelhecer.

Billy Graham, 92, pregou para milhões de pessoas durante seu longo e profícuo ministério, apenas menos ativo nos últimos anos devido a problemas de saúde.

Em seu mais recente lançamento - o primeiro em cinco anos ainda sem título para o português - algo como "Chegando em casa: Vida, Fé e terminando bem' Graham compartilha sua experiência pessoal no envelhecer, mas também oferece algumas lições importantes sobre a forma de ver o nosso tempo aqui na terra.

Billy Graham diz que o Bíblia deixa claro que Deus tem uma razão específica para manter-nos aqui. "A melhor maneira de enfrentar os desafios da velhice é se preparar para eles agora, antes que eles cheguem". "Convido-vos a explorar comigo não apenas as realidades da vida à medida que envelhecemos, mas também a esperança e realização - e até mesmo alegria - que podemos vivenciar quando aprendemos a olhar para estes anos a partir do ponto de vista de Deus e assim descobrir Sua força para nos sustentar a cada dia ".

O editor do livro, Matt Baugher, vice-presidente da Thomas Nelson, afirma que "Nearing Home" é uma das obras mais importantes de Graham. "Na sua idade e por tudo o que ele já viveu e fez pelo Evangelho, Billy Graham está numa posição única para nos orientar sobre o que significa terminar bem esta vida. Deus o abençoe."

Graham é considerado o homem que mais pregou pessoalmente o Evangelho na história. Milhões se decidiram por Cristo em suas cruzadas. Bilhões já ouviram suas transmissões de rádio e televisão.

Fonte:
http://www.genizahvirtual.com/2011/09/aos-92-anos-billy-graham-lanca-livro.html

quarta-feira, 7 de setembro de 2011

10 verdades que pregamos sobre 10 mentiras que praticamos



Certo pastor estava buscando levar a igreja à prática da comunhão e da devoção experimentadas pela igreja primitiva (conforme descrita em Atos dos Apóstolos). Logo recebeu um comunicado de seus superiores: “Estamos preocupados com a forma como você vem conduzindo seu trabalho ministerial. Você foi designado para tomar conta dessa igreja e a fez retroceder, pelo menos, uns 40 anos! O quê está acontecendo?”. O pastor respondeu: “40 anos? Pois então lamento muitíssimo! Minha intenção era fazê-la retroceder uns 2.000!”.

Atualmente temos acompanhado um retrocesso da vivência e prática cristãs. Mas, infelizmente, não é um retrocesso como o da introdução acima. Algumas das verdades cristãs têm sido negadas na prática. Como diz Caio Fábio, muitos de nós somos “crentes teóricos, entretanto, ateus práticos”. Segue-se uma pequena lista dos top 10 das verdades que pregamos (na teoria) acerca das mentiras que vivemos (na prática):

I - “SÓ JESUS SALVA” é o que dizemos crer. Mas o que ouvimos dizer é que só é salvo, salvo mesmo, quem é freqüente à igreja, quem dá o dízimo direitinho, quem toma a santa ceia, quem ganha almas para Jesus, quem fala língua estranha, quem tem unção, quem tem poder, quem é batizado, quem se livrou de todo vício, quem está com a vida no altar (seja lá o que isso signifique), quem fez o Encontro, etc e etc. Resumindo: em nosso conceito de salvação, só é salvo aquele que não me escandaliza.

II - “DIANTE DE DEUS, TODOS OS PECADOS SÃO IGUAIS” é o que dizemos crer. Mas, diante da igreja, o único pecado é fazer sexo fora do casamento. Quando um irmão é pego em adultério, é comum ouvirmos o comentário: “O irmão fulano caiu...”. Ou seja, adultério é visto como uma “queda”. Mas a fofoca que leva a notícia do adultério de ouvido a ouvido é permitida (embora, na Bíblia haja mais referências ao mexeriqueiro do que ao adúltero). Estar com o nome ‘sujo’ no SPC é permitido, embora a Bíblia condene o endividamento. Ser glutão é permitido, a ‘panelinha’ é permitida, sonegar imposto de renda é permitido (embora seja mentira e roubo), comprar produto pirata é permitido (embora seja crime) construir igreja em terreno público é permitido (embora seja invasão).

III - “AUTOFLAGELAÇÃO É SACRIFÍCIO DE TOLO”, é o que dizemos crer. Condenamos o sujeito que faz procissão de joelhos, que sobe escadarias para pagar promessas. Ainda assim praticamos um masoquismo espiritual que se expõe em frases do tipo: “Chora que Deus responde”; “a hora em que seu estômago está doendo mais é a hora em que Deus está recebendo seu jejum”; “quando for orar de madrugada, tem que sair da cama quentinha e ir para o chão gelado”; “tem que pagar o preço”.

IV - “ESPÍRITO DE ADIVINHAÇÃO É DIABÓLICO” é o que dizemos crer, mas vivemos praticando isso nas igrejas, dentro dos templos e durante os cultos!
- Olha só a cara do pastor. Deve ter brigado com a esposa.
- A irmã Fulana não tomou a ceia. Deve estar em pecado.
- Olha o irmão no boteco. Deve estar bebendo...
- Olha só o jeito que a irmã ora. É só para se amostrar...
- Olha a irmã lá pegando carona no carro do irmão. Hum, aí tem...

V - “DEUS USA QUEM ELE QUER” é o que dizemos. Mas também dizemos: Deus não pode usar quem está em pecado; Deus não usa ‘vaso sujo’; “Como é que Deus vai usar uma pessoa cheia de maquiagem, parecendo uma prostituta?”.

VI - “DEUS ABOMINA A IDOLATRIA” dizemos. Mas esquecemos que idolatria é tudo o que se torna o objeto principal de nossa preocupação, lealdade, serviço ou prazer. Como renda, bens, futebol, sexo ou qualquer outra coisa. A questão é: quem ou o quê regula o meu comportamento? Deus ou um substituto? Há até muitas esposas, por exemplo, que oram pela conversão do marido ao ponto disso tornoar-se numa obsessão idolátrica: “Tenho que servir bem a Deus, para ele converter meu marido”; “Não posso deixar de ir a igreja senão Deus não salva meu marido”; “Preciso orar pelo meu marido, jejuar pelo meu marido, fazer campanhas pelo meu marido, deixar de pecar pelo meu marido”. Ou seja, a conversão do marido tornou-se o objetivo final e Deus apenas o meio para alcançar esse objetivo. E isso também é idolatria.

VII - A BÍBLIA É A ÚNICA REGRA DE FÉ E PRÁTICA CRISTÃS
...Eu sei que a Bíblia diz, mas o Estatuto da Igreja rege...
... Eu sei que a Bíblia diz, mas nossa denominação não entende assim
... Eu sei que a Bíblia diz, mas a profeta revelou que é assim que tem que ser
... Eu sei que a Bíblia diz, mas o homem de Deus teve um sonho...
...Eu sei que a Bíblia diz, mas isso é coisa do passado...

VIII - DEUS ME DEU ESTA BENÇÃO!
...mas eu paguei o preço.
...mas eu fiz por onde merece-la.
...mas não posso dividir com você porque posso estar interferindo na vontade de Deus. Vai que Ele não quer que você tenha... Se você quiser, pague o preço como eu paguei.

IX - NÃO SE DEVE JULGAR PELAS APARENCIAS. AS APARENCIAS ENGANAM – mas frequentemente nos deixamos levar por elas para emitirmos nossos juízos acerca dos outros. Julgamos pela roupa, pelo corte de cabelo, pelo tamanho da saia, pelo tipo de maquiagem (ou a falta dela), pelo jeito de andar, de falar, pelo aperto de mão, pela procedência. Frequentemente, repito: frequentemente falamos ou ouvimos alguém falar: “Nossa! Como você é diferente do que eu imaginava. Minha primeira impressão era de que você era outro tipo de pessoa”.

X - A SANTIFICAÇÃO É UM PROCESSO DE DENTRO PARA FORA (é o que dizemos) – na prática não basta ser santo, tem que parecer santo. Se a tal ‘santificação’ não se manifestar logo em um comportamento pré-estabelecido, num jeito de falar, andar, vestir e de se comportar é porque o sujeito não se ‘converteu de verdade’

FONTE: Gosto de Ler através de Barbara Matias
http://www.gostodeler.com.br/materia/11352/10_verdades_que_pregamos_sobre_10_mentiras_que_praticamos.html

As 5 expressões evangélicas mais sem sentido usadas nas Igrejas



5 – EXORTAR
Essa expressão é usada de modo equivocado em 100% das Igrejas. Segundo qualquer dicionário, exortar significa “animar, incentivar, estimular”. Logo, exortar o irmão que está em pecado na verdade não significa repreende-lo. Quem está vivendo no erro não precisa de um incentivo, mas de um auxílio.
4 – LEVITA
Essa morreu no Antigo Testamento. Os Levitas eram descendentes da Tribo de Levi, e eram encarregados de TODO O SERVIÇO no Templo. Mas Levita tem sido usado como sinônimo de músico. Besteira pura! Pra começar a música no serviço levítico era a menor das tarefas. A faxina, organização e carregar peso nas costas, isso sim era a parte mais importante do trabalho. Levando em conta que não somos judeus, não somos descendentes daquela tribo e também lembrando que o Templo não existe mais, então estamos dispensados do serviço levítico. Músico é músico. Ponto.

3 – PROFETA
Segundo a bíblia, profeta é aquele que revela a vontade de Deus ao povo. Simples assim. Porém tornou-se comum considerar que profeta é uma espécie de adivinho. Heresia pura! Considerando que TODA A REVELAÇÃO está em Cristo Jesus e que o conhecimento acerca desta revelação está contida nas escrituras, um profeta legítimo não deve adivinhar nada, mas proclamar de maneira compreensível as coisas que estão contidas na palavra de Deus. Por isso Paulo afirma que o dom de profetizar é o dom mais excelente. E se você ainda paga pau pra adivinhos, lembre-se que ADIVINHAÇÃO é pecado.

2 – UNÇÃO
Como dizem por aí, UNS SÃO, outros NÃO SÃO. Agora falando sério… a expressão unção virou clichê na boca de crente. É unção disso, unção daquilo… tudo sempre buscando atender ao interesse economico; ou garantindo o controle das massas sob o pretexto de que UNÇÃO É PODER. Pra começar no Novo Testamento a palavra unção só é usada no sentido de afirmar que Cristo está em nós. Logo, ter unção é ter Cristo. Em todos os outros contextos, há ensinos explícitos sobre o ato de “ungir” pessoas, que seria orar com óleo, pedindo a Deus por curas específicas. Há algum poder neste óleo? Não mesmo. Mas é bom lembrar que no contexto bíblico, óleo também era considerado remédio para muitas doenças.

1 – ATO PROFÉTICO
Essa é a campeã da lista de heresias. Se sua igreja usa essa expressão, então a teologia por aí tem sido profundamente contaminada com valores neopentecostais. Pra começar não existe a expressão “ato profético” na Bíblia. Essa expressão surgiu na verdade como uma tentativa de disfarçar o conceito de podemos fazer coisas que “movem a mão de Deus” na direção de nossos desejos. Ou seja, heresia pura.

Meu conselho é… cuidado com as expressões.
Por que as mínimas coisas podem revelar grandes besteiras.
Vão com Deus!

Ops! Como alguém poderia ir “sem Deus”, se Deus é onipresente e está em todos lugares mesmo antes de eu pensar em me mover?

Fonte:
http://www.ariovaldo.com.br/2011/top-5-das-expressoes-sem-sentido-que-usamos-nas-igrejas/

sábado, 2 de julho de 2011

A Semente do trigo que gerou a Assembleia de Deus


Caro leitor,

O renomado Pr. Elias Croce acaba de lança um livro inédito e histórico: A Semente do trigo que gerou a Assembleia de Deus. O Livro é maravilhoso e relata com detalhes fatos históricos sobre o pentecostalismo e a história da Assembleia de Deus no Brasil, faz você mergulhar num universo exclusivo que Gunnar Vingren e Daniel Berg nos deixaram. Leia, você vai adquirir conhecimento de altíssima qualidade.

Nesse momento do centenário das Assembleias de Deus no Brasil, temos muito para refletir a respeito da história que nossos pais no legaram. A lição que a história nos deixou é de capital importância para avançarmo nos próximos séculos. A abençoada história das Assembleias de Deus no Brasil que completa o primeiro centenário neste ano. Aquele que foi chamado o Movimento Pentecostal iniciou-se oficialmente em nossa nação no ano de 1911, com denominação Missão de fé Apostólica, e, posteriormente teve sua nomenclatura modificado para Assembleia de Deus.

Páginas: 180 Autor:

Pr. José Elias Croce

Total de Capítulos: 22

Onde comprar: www.livrariavirtualcrista.com.br

sábado, 25 de junho de 2011

Não Temas!



Vivemos com medo. Há vários tipos dele, desde os mais banais como medo de barata, até os mais reais como os de assaltos. A Palavra de Deus é pródiga em textos que nos ensinam a vencer o medo. Selecionei alguns para você meditar, crer e apossar-se pela fé destas gloriosas promessas.

Quando Abraão estava temeroso dentro da sua tenda "veio a Palavra do Senhor a Abrão, numa visão, e disse: Não temas, Abrão, eu sou o teu escudo, e teu galardão será sobremodo grande". (Gn 15:1).

Quando Hagar estava no deserto sem água com seu filho, começou a chorar esperando a morte, Deus interviu "Que tens, Hagar? Não temas, porque Deus ouviu a voz do menino, daí onde está" (Gn 21:17).
Quando Isaque estava passando por grandes adversidades na terra dos filisteus "na mesma noite, lhe apareceu o Senhor e disse: Eu sou o Deus de Abraão, teu pai. Não temas, porque Eu sou contigo; abençoar-te-ei e multiplicarei a tua descendência por amor de Abraão, meu servo". (Gn 26:24).
Quando Jacó estava preocupado em ir para o Egito o Senhor lhe falou "Eu Sou Deus, o Deus de teu pai; não temas descer para o Egito, porque lá eu farei de ti uma grande nação". (Gn 46:3)
Quando o povo de Israel chegou na região montanhosa dos amorreus "Eis que o Senhor, teu Deus, te colocou esta terra diante de ti. Sobe, possua-a, como te falou o Senhor, Deus de teus pais: Não temas e não te assustes". (Dt 1:21)
Meu irmão, se você está passando por angústia, pavor ou sentindo-se amedrontado, esmorecido e desanimado no meio das batalhas da vida, ouça a Palavra de Deus para você: "Não temas, Eu Sou contigo".

Fonte:http://www.devocionais.com.br/devocionais/4851-Não%20temas_.html
Autor: Gelson dos Santos Magalhães

Jornal Nacional - Lei que criminaliza homofobia motiva grande protesto em Brasília

Juiz Jeronymo Pedro Villas Boas que anulou união gay é pastor da Assembléia de Deus




O juiz Jeronymo Pedro Villas Boas que anulou uma união estável gay em Goiânia e ainda proibiu os cartórios de fazer esse tipo de contrato sem autorização judicial afirmou nesta quarta-feira, 22, que é pastor da Assembleia de Deus.

Apesar de afirmar sua fé ele disse que a sua decisão foi amparada pela Constituição Federal que só reconhece como estável apenas a união entre um homem e uma mulher. Ele também disse que a decisão do Supremo Tribunal Federal, que garante aos homossexuais os mesmos direitos civis dos demais brasileiros, não é vinculante e o acórdão daquela sessão ainda não foi publicado.

“Sou pastor da Assembleia de Deus Madureira e não nego minha fé,” disse Villas Boas que também afirmou que só um juiz é que pode reconhecer os requisitos para que duas pessoas se unam. “As pessoas no Brasil para viverem juntas e se unirem têm que ter os requisitos formais da lei. Quem reconhece isso é um juiz.”

Essa semana uma desembargadora Beatriz Figueiredo Franco, do Tribunal de Justiça de Goiás (TJGO) cassou a anulação do casamento e ainda informou que vai pedir a Corte Especial do tribunal que abra um processo disciplinar contra o juiz.

Villas Boas foi então convidado pelos deputados evangélicos a participar de uma sessão solene na Câmara, onde foi entregue uma moção de apoio.

Fonte: Gospel Prime

sexta-feira, 24 de junho de 2011

Superando o luto através do amor de Deus!



Há alguns dias perdi minha irmã querida com apenas 39 anos de idade, uma jovem médica, que lutava contra um câncer no cérebro há mais de três anos, nos últimos seis meses a doença sobremaneira se agravou e ele não resistiu as sequelas.



Havia uma plena consciência da família da gravidade da doença e o tempo previsto que ela ficaria entre nós, mesmo assim, mesmo com todas as possibilidades de tratamento sem sucesso, eu cheguei acreditar em um milagre, mas no fundo do meu coração, eu sabia que em tudo aquilo havia um propósito de Deus.


Eu também sabia que o dia da sua partida chegaria, só não sabia que seria tão dolorido lidar com tudo isso, uma dor inexplicável, o corpo dolorido, os pensamentos constantes em lembranças da nossa infância e adolescência, a sua alegre presença no dia do meu casamento, o dia do nascimento do meu filho, o velório e testemunhos de pessoas que nunca vi antes sobre a ajuda médica prestada por ela a estranhos e desconhecidos e tantos outros momentos marcantes.


Mas quem tenho eu no céu além de Deus? Ele é o único que não deixa meus lábios sem um cântico de louvor em todos os momentos, TUDO o que eu e você precisamos em dias difíceis é mais de Jesus, quando o chão desaparece, quando tudo está escuro, quando você olha e não vê saída, não tem a cura, não tem a solução, o horizonte some, a resposta é se prostar nos pés de Jesus.

Quantas vezes nos enganamos e esquecemos que não é nossa vontade, mas a Dele que é soberana e nem sempre o nosso desejo prevalecerá em referência ao seu propósito. Se a sua fidelidade em servir não estiver condicionada somente em servir e adorar Àquele quem te gerou, você certamente estará no caminho errado e duvidoso. Não resolve "dar murro em ponta de faca", machuca e dói e as feridas demoram para cicatrizar, questionar, tentar entender também é um caminho cheio de tropeços.

Somente e tão somente se render, orar e adorar, buscar verdadeiramente a face de Deus vai te levar além de todos os obstáculos, todos os desafios da vida, porque Ele estará ao seu lado, afinal Ele é meu pastor e de NADA sentirei falta. Apenas NÃO TEMAS!

Siga Jesus, mesmo que seja chorando; Ande, mesmo que for se arrastando ; Levante a cabeça, mesmo que pra isso precise de um guindaste!! MAS NÃO DESISTA NUNCA. "Na multidão dos meus pensamentos dentro de mim, as tuas consolações recrearam a minha alma." Salmo 94.19

sexta-feira, 10 de junho de 2011

Versículos Bíblicos - Simone de Melo



Versículos Bíblicos para restauração e cura da alma.


"Quem é repreendido muitas vezes e teima em não se corrigi cairá de repente na desgraça e não poderá escapar" Pv. 29.1


"Não erreis: Deus não se deixa escarnecer; porque tudo o que homem semear, isso também ceifará" Gl 6.7



"O que guarda a sua boca preserva a alma, mas o que muito abre os seus lábios tem pertubação" Pv. 13.3



"Vinde a mim todos os que estais cansados e sobrecarregados, e eu vos aliviarei (Jesus)" Mt 11.28



"A quem tenho eu no céu senão a ti? E na terra não há quem eu deseje além de ti" Sl 73.25



Simone de Melo

http://simonedemelo.blogspot.com



COMPRE COM SEGURANÇA NA INTERNET

Livraria Virtual Crista

www.livrariavirtualcrista.com.br

segunda-feira, 23 de maio de 2011

Um pastor moderno entre os radicais - Revista Isto É - 20 de maio de 2011

Um dos líderes da Assembleia de Deus, a maior e uma das mais conservadoras igrejas evangélicas do Brasil, Samuel Ferreira rompe tradições, libera costumes e atrai fiéis para o seu templo.

Na edição 2167, do dia 20 de maio de 2011, a revista Isto É trouxe como destaque o Pastor Samuel Ferreira, filho do presidente da Assembléia de Deus Ministério Madureira. Revista secular fez um comparativo da pregação de hoje do Pastor Samuel no templo em que lídera no Brás, São Paulo, com as tradicionais regras e esteriótipos que a Assembléia de Deus possui com relação a usos e costumes. Confira a reportagem na integra abaixo:

O evangélico desavisado que entrar no número 560 da ave­nida Celso Garcia, no bairro paulistano do Brás, poderá achar que não está entrando em um culto da Assembleia de Deus. Maior denominação pentecostal do País – estima-se que tenha 15 milhões de adeptos, cerca de metade dos protestantes brasileiros –, historicamente ela foi caracterizada pela postura austera, pelo comedimento na conduta e, principalmente, pelas vestimentas discretas de seus membros. Por conta dessa última particularidade, tornou-se folclórica por forçar seus fiéis a celebrarem sempre, no caso dos homens, de terno e gravata e, entre elas, de saia comprida, camisa fechada até o punho e cabelos longos que deveriam passar longe de tesouras e tinturas. Era a igreja do “não pode”. Não podia, só para citar algumas interdições extratemplo, ver tevê, praticar esporte e cultuar ritmos musicais brasileiros. A justificativa era ao mesmo tempo simples e definitiva: eram coisas do capeta.

No templo do Brás, porém, às 19h30 do domingo 15, um grupo de cerca de vinte fiéis fazia coreografias, ao lado do púlpito, ao som de uma batida funkeada. Seus componentes – mulheres maquiadas e com cabelos curtos tingidos, calça jeans justa e joias combinando com o salto alto; homens usando camiseta e exibindo corte de cabelo black power – outrora sofreriam sanções, como uma expulsão, por conta de tais “ousadias”. Mas ali eram ovacionados por uma plateia formada por gente vestida de forma parecida, bem informal. Palmas, também proibidas nas celebrações tradicionais, eram requisitadas pelo pastor Samuel de Castro Ferreira, líder do templo e um dos responsáveis por essa mudança de mentalidade na estrutura da Assembleia de Deus, denominação nascida em Belém, no Pará, que irá festejar seu centenário no mês que vem. “Muitos chamam de revolução, mas o que eu faço é uma pregação de um evangelho puro, sem acessórios pesados”, afirma ele, 43 anos, casado há vinte com a pastora Keila, 39, e pai de Manoel, 18, e Marinna, 14. “A maior igreja evangélica do País está vivendo um redescobrimento.”

Sentado em uma cadeira logo ao lado do coral, Ferreira, que assistiu à televisão pela primeira vez na casa do vizinho, aos 7 anos, escondido do pai, Manoel Ferreira, pastor assembleiano, desliza o dedo indicador em um iPad segunda geração enquanto o culto se desenrola. Acessa a sua recém criada página no Twitter por meio da qual, em apenas um mês, amealhou mais de 110 mil seguidores. Quando se levanta para pregar a palavra, deixa visível o corte alinhado de seu terno e a gravata que combina com o conjunto social. Não que o pastor se furte em pregar de jeans, tênis e camisa esporte – tem predileção por peças da Hugo Boss –, como faz em encontros de jovens. “Samuel representa a Assembleia de Deus moderna, com cara de (Igreja) Renascer (em Cristo)”, opina o doutorando em ciências da religião Gedeon Alencar, autor de “Assembleias de Deus – Origem, Implantação e Militância” (1911-1946), editora Arte Editorial. “Os mais antigos, porém, acham o estilo dele abominável.”

Natural de Garça, interior de São Paulo, formado em direito e com uma faculdade de psicologia incompleta, Ferreira é vice-presidente da Convenção de Madureira, que é comandada por seu pai há 25 anos e da qual fazem parte 25 mil templos no Brasil, entre eles o do Brás. Os assembleianos não são uma comunidade unificada em torno de um líder. Há, ainda, os que seguem a Convenção Geral, considerada o conglomerado mais poderoso, e o grupo formado por igrejas autônomas. Ferreira assumiu o templo da região central da capital paulista há cinco anos e passou a romper com as tradições. Ao mesmo tempo, encarou uma cirurgia de redução de estômago para perder parte dos 144 quilos. “Usar calça comprida é um pecado absurdo que recaía sobre as irmãs. Não agride a Deus, então liberei”, diz o pastor, 81 quilos, que até hoje não sabe nadar e andar de bicicleta porque, em nome da crença religiosa, foi proibido de praticar na infância e na adolescência.

Sua Assembleia do “pode” tem agradado aos fiéis. “Meu pai não permitia que eu pintasse as unhas, raspasse os pelos ou cortasse o cabelo”, conta a dona de casa Jussara da Silva, 49 anos. “Furei as orelhas só depois dos 40 anos. Faz pouco tempo, também, que faço luzes”, afirma Raquel Monteiro Pedro, 47 anos, gerente administrativa. Devidamente maquiadas, as duas desfilavam seus cabelos curtos e tingidos adornados por joias pelo salão do Brás, cuja arquitetura, mais parecida com a de um anfiteatro, também se distingue das igrejas mais conservadoras.

A relativização dos costumes da Assembleia de Deus se dá em uma época em que não é mais possível dizer aos fiéis que Deus não quer que eles tenham vaidade. A denominação trabalha para atender a novas demandas da burguesia assembleiana, que, se não faz parte da classe média, está muito perto dela, é urbana e frequenta universidades. É esse filão que está sendo disputado. Uma outra igreja paulista já promoveu show no Playcenter. No Rio de Janeiro, uma Assembleia de Deus organiza o que chama de Festa Jesuína, em alusão à Festa Junina. Segundo o estudioso Alencar, as antigas proibições davam sentido ao substrato de pobreza do qual faziam parte a grande maioria dos membros da Assembleia de Deus. “Era confortável para o fiel que não tinha condição de comprar uma televisão dizer que ela é coisa do diabo. Assim, ele vai satanizando o que não tem acesso.”

Importante figura no mundo assembleiano, o pastor José Wellington Bezerra da Costa, 76 anos, presidente da Convenção Geral, não é adepto da corrente liberal. “Samuel é um menino bom, inteligente, mas é liberal na questão dos costumes e descambou a abrir a porta do comportamento”, afirma. Ferreira, por outro lado, se diz conservador, principalmente na questão dos dogmas. Em suas celebrações, há o momento do dízimo, do louvor, da adoração e um coral clássico. Ao mesmo tempo, é o torcedor do Corinthians que tuita pelo celular até de madrugada – dia desses, postou que saboreava um sorvete às 4h30 –, viaja de avião particular e não abre mão de roupas de grife. Um legítimo pastor do século XXI.

Fonte: http://folhagospel.com/modules/news/article.php?storyid=17942

domingo, 22 de maio de 2011

Perfil da Mulher de Deus

1º -Ela teme ao senhor

2º -Ela é sabia; por isso, fala pouco ou só mesmo o necessário. Quando a pessoa fala muito é porque é egoísta,e sempre quer impor aos outros as suas idéias e pensamentos.

“O que guarda a boca conserva a sua alma, mas o que muito abre os lábios a si mesmo se arruína”. (PROVERBIOS 13:3)

3º -Ela é discreta.Nunca procura chamar a atenção dos outros para si. O seu comportamento é contrario ao das outras mulheres do mundo.A sua fala é suave, os seus vestidos são discretos. O seu rosto pode ser maquiado, mas não “mascarado”; o seu cabelo é penteado,mas não de forma exótica.

“Como jóia de ouro em focinho de porco, assim é a mulher formosa que não tem discrição”.

(PROVERBIOS 11:22)

4º -Ela é virtuosa.A mulher virtuosa é aquela que procura cuidar muito mais do seu coração do que do seu corpo.Tem como fragrância no seu corpo a plenitude do ESPIRITO SANTO.

“Porque nós somos para com DEUS o bom perfume de CRISTO; tanto nos que são salvos, como nos que se perdem.” (2Corintios 2:15)

5º -Ela é forte.Não se abate diante das dificuldades. Pelo contrário,quando os momentos difíceis acontecem, surge com a determinação de mulher de DEUS.

“A força e a dignidade são seus vestidos, e, quanto ao dia de amanhã, não tem preocupações.” (PROVERBIOS 31:25)

6º -Ela é de fé.A mulher de fé é aquela que vê nas dificuldades apenas novas oportunidades. Como dona de casa,sabe fazer do limão uma boa limonada!Estimula a fé do seu marido com palavras de ânimo e coragem.

“O coração do seu marido confia nela.” (PROVERBIOS 31:11)

7º -Ela é trabalhadeira.A mulher de DEUS nunca é preguiçosa, porque tem prazer em cuidar dos afazeres de casa de tal forma que, tudo estará em ordem. Ela não espera que os outros façam aquilo que é de sua competência.

“È ainda noite, e já se levanta, e dá mantimento a sua casa e a tarefa as suas servas. Atende ao bom andamento da sua casa, e não come o pão da preguiça.” (PROVERBIOS 31:15)

8º -Ela é fiel. A mulher de Deus não é fiel apenas ao seu marido, mas também a sua igreja. Sua fidelidade se faz transparecer no serviço da obra de Deus.

“Aconteceu depois disto que andava Jesus de cidade e de aldeia em aldeia pregando e anunciando o evangelho do reino de Deus, e o doze seguia com ele e também algumas mulheres que haviam sido curadas de espíritos malignos e enfermidades.” (Lucas 8:13)

9º -Ela é sensata. A mulher de Deus sabe ser cuidadosa com suas palavras, especialmente quando o seu marido é incrédulo. Os lamentos e as reclamações nunca surtem bom efeito nos ouvidos de quem os ouve. Se for sensata, sabe como contornar uma situação desagradável, ao invés de ficar reclamando todo o tempo.

“ A morte a vida estão no poder da língua, o que bem a utiliza como do seu fruto.” (PROVERBIO18:21)

“O mexeriqueiro descobre o segredo, mas o fiel de espírito o encobre”. (PROVERBIO 11:13)

10º -Ela tem bons olhos. A mulher de Deus procura ver as demais pessoas como Deus as vê. É verdade que há mas e que é difícil vê-las com bons olhos, mas porque ela é de Deus os seus olhos sempre procuram ver o lado bom daquelas pessoas. É melhor ser prejudicado com bons olhos do alcançar vantagens com maus olhos.

“ São os olhos a lâmpada do corpo. Se os teus olhos forem bons, todo seu corpo será luminoso; se porém os teus olhos forem maus todo seu corpo estará em trevas. Por tanto, caso a luz que em ti há sejam trevas, que grandes trevas serão!” (Matheus 6:22-23)

Fonte:http://www.comunidaderochaviva.com.br/portal/artigos-e-estudos-gam/123-perfil-da-mulher-de-deus.html